canovai, stanislao

Stanislao Canovai nasceu a 27 de março de 1740 em Florença, e nesta mesma cidade morreu a 17 de novembro de 1812. Foi um dos matemáticos e físicos mais famosos do séc. XVIII, e é considerado o iniciador da corrente científica que se afirmou na segunda metade deste século, nas Escolas Pias de Toscana. A par disto, Canovai foi considerado pelos seus contemporâneos um grande escritor, pela sua doutrina e pelo seu estilo preciso e eloquente.

Estudou em Florença e Pisa, como iniciante na Ordem dos Esculápios, e em 1765, foi nomeado para a cátedra de Filosofia e Teologia no seminário episcopal de Cortona, onde lecionou Matemática durante 15 anos. Em 1768, interrompeu, por um período muito curto, o seu ensino em Cortona para ensinar Física matemática no colégio real de Parma. Em seguida foi chamado para ensinar Hidráulica no colégio florentino dos Esculápios.

Publicou em Florença, com o editor Giovacchino Pagani, o volume Elogio di Amerigo Vespucci, che Riportò il Premio dalla Nobile Accademia Etrusca di Cortona nel dì 15 Ottobre dell’Anno 1788. Con una Dissertazione Giustificativa di questo Celebre Navigatore. A obra apresentava-se bem fundamentada e historicamente fundada. Canovai confrontou códices e publicações, e discutiu as escolhas e declarações de estudiosos anteriores, como Angelo Maria Bandini. A obra visava sobretudo considerar e enquadrar o significado cultural do empreendimento de Vespúcio num âmbito crítico e científico mais amplo, e acabou por provocar um debate animado. Canovai, como eminente cientista, queria estabelecer a jornada de Vespúcio de forma conclusiva, e, em particular, decidiu examinar as rotas, a fim de resolver a questão da longitude. A passagem pela Madeira era crucial, dado que a Ilha e o arquipélago eram um dos pontos geográficos fundamentais, tanto para os cálculos de Canovai, como para confirmar a verdade histórica das várias viagens de Vespúcio.

Obras de Stanislao Canovai: Elogio di Amerigo Vespucci, che Riportò il Premio dalla Nobile Accademia Etrusca di Cortona nel Dì 15 Ottobre dell’Anno 1788. Con una Dissertazione Giustificativa di questo Celebre Navigatore (1798).

Bibliog.: CORNIANI, Giambattista, I Secoli della Letteratura Italiana Dopo il suo Risorgimento Commentario […] Continuato Fino all’età Presente da Stefano Ticozzi, Tomo II – Parte II, Milão, Vincenzo Ferrario, 1834; DELSEDIME, Piero, Dizionario Biografico degli Italiani, 18.º vol., Roma, Istituto dell’Enciclopedia Italiana, 1975; POZZETTI, Pompilio, Elogio di Stanislao Canovai Scritto da Pompilio Pozzetti, Professore Emerito e Bibliotecario nella Regia Università di Bologna, Bolonha, Tipografia de’ Fratelli Masi, 1812; TIRABOSCHI, Girolamo, Storia della Lettereratura Italiana, vol. iv, 1, Milão, ed. Antonio Fontana, 1833.

Valeria Biagi

(atualizado a 28.01.2017)